Location: Places >> Europe >> Germany >> Berlin >> Art, Language, Culture >> Berlin "Portuguese - German Language Exchange"
Login for full access to Couchsurfing Groups. Not a member yet? Join our community!

Fala portugues??
Posted March 17th, 2010 - 11:20 pm from Utrecht, Netherlands
This member has chosen to allow only Couchsurfing members to see their group posts. To see this full converstion, sign up or log in.

Posted March 18th, 2010 - 7:43 pm by from Marco de Canaveses, Portugal (Permalink)
Ola

Eu sou portuguesa e ando a aprender alemão, mas ainda é muito básico. Se quiseres eu ajudo-te e gostava que me ajudasses também. O meu nome é Cristina e moro em Vila Nova de Gaia (ao lado do Porto).

Dá notícias
Um abraço
Cristina

Posted March 22nd, 2010 - 11:37 am from Utrecht, Netherlands
This member has chosen to allow only Couchsurfing members to see their group posts. To see this full converstion, sign up or log in.

Posted March 23rd, 2010 - 8:56 pm by from Marco de Canaveses, Portugal (Permalink)
Ola

Está bem, o meu email é ripleysw@gmail.com.
Seria melhor em cada email escrevermos em ambas as linguas e de maneira simples, eu só tenho 50 horas de alemão e estou a fazer um segundo curso de + 50 horas.
Acho também importante corrigirmos os nossos erros, eu ja copiei o teu email e vou corrigir. Agradeço que faças o mesmo comigo, só assim vamos aprender a corrigir:


Ola,

ótimo! :) Como nos queremos fazer isso? Talvez pela email uma vez em alemao (mensagem e resposta)e uma vez em portugues??

Lieben Gruß,

Henrik


Agora eu vou corrigir a tua mensagem:

Ola

Optimo! :) Como é que nós vamos fazer isso? Talvez atraves de emails, uma vez em alemão (mensagem e resposta) e uma vez em português??
Cumprimentos

Podemos fazer frases simples? Aceito as tuas sugestões, até porque falas melhor português que eu alemão :)

Um abraço
Cristina


Posted April 27th, 2010 - 8:30 pm by from Berlin, Germany (Permalink)
hey Henrik!

Estou em Berlim estudando (erasmus) e fico ate final de Setembro...caso queira fazer Tandem pessoalmente, sag mir :)

Sou brasileiro, mas moro e estudo em Lisboa ha 8 anos...portanto meu portugues é um hibrido de PB + PE hehehe

Um Abraco!

Posted April 27th, 2010 - 8:35 pm by from Berlin, Germany (Permalink)
PS. só uma coisa a Cristina: corrigir "ótimo" para "óptimo" é cair num erro comum... está claro que o Henrik aprendeu portugues do Brasil, portanto "ótimo" está mais que correto. Sem falar que em Portugal tbm está, visto que o ACORDO ORTOGRAFICO aprovado em unanimidade pelo Parlamento ano passado já entrou e vigor, portanto consantes mudas NAO PRONUNCIADAS já nao existem :)

Posted May 4th, 2010 - 8:19 am by from Marco de Canaveses, Portugal (Permalink)
Ola Wellington

Lamento, mas o acordo ortográfico é uma vergonha! Como sempre o nosso país rebaixa-se a estas coisas, até na nossa lingua. É mais fácil falar mal e usar mal a gramática do que a usar correctamente, certo? Deve dar muito trabalho!
No Brasil (e porque já lá estive, não é só o português de telenovela brasileira) falam muito mal português, para além dos pontapés na gramática (que até nos doem na alma)!
Hei-de continuar a usar o bom português e quem quiser aprender aprender, quem não quiser .....
Um abraço
Cristina

Posted May 4th, 2010 - 11:50 am by from Hamburg, Germany (Permalink)
Sobre o preconceito linguístico: "“O bom português é aquele praticado em determinada região”, “O caboclo fala errado”, “Nenhum brasileiro fala o português corretamente”.
Indivíduos não conhecedores das variantes linguísticas “adoram” fazer afirmações como essas. Mas é preciso que coloquem em suas mentes que a língua varia de acordo com a região em que é falada (devido à sua cultura, costumes e classe social) e que essa variação afeta a norma criando, então, uma modalidade de linguagem para cada situação específica de ocorrência verbal. Não existe então “certo e errado” no ato linguístico, mas sim variantes decorrentes de alguns fatores como região, classe social e etc." pt.wikipedia.org/wiki/Preconceito_linguístico

O português, como qualquer outra língua, é vivo, se modifica e será modificado todos os dias, de acordo com todos seus falantes...

Além disso, gostaria que alguém me explicasse por que razão ÓTIMO está mais incorreto que ÓPTIMO, sendo que a primeira palavra assim foi se desenvolvendo no Brasil, e assim é falada e escrita pelos brasileiros, e assim é que consta dos dicionários que encontro nas livrarias e bibliotecas por aqui.

Falar que o português de Portugal é melhor, mais puro e mais correto em detrimento do português do Brasil (ou de qualquer outra ex-colônia portuguesa - por sinal, o português de Moçambique é lindo!), que foi modificado, moldado e adaptado por mais de 500 anos de uma outra cultura, por um outro povo, em um outro contexto, isso sim é de doer na minha alma e no meu intelecto!!!!

E viva as diferenças - linguísticas ou não!

Posted May 4th, 2010 - 1:36 pm by from Marco de Canaveses, Portugal (Permalink)
Agradeço que de futuro não interfira nas minhas mensagens, algo que não o devia ter feito porque a minha mensagem era directamente para o Henrik Sontag.

E não me faça rir com o seu discurso!

Um erro repetido muitas vezes não o torna correcto!

Adeus e nunca mais interfira nem se dirija a mim.



Posted May 4th, 2010 - 3:25 pm from Maringa, Brazil
This member has chosen to allow only Couchsurfing members to see their group posts. To see this full converstion, sign up or log in.

Posted May 4th, 2010 - 3:25 pm by from Berlin, Germany (Permalink)
Acho mesmo curioso que algumas pessoas, quando decidem abrir o autoclismo bucal, nem se dao ao trabalho de informarem-se primeiro do que estao falando. Algumas mensagens aqui nesse post sao a prova disso. Moro em Portugal há 8 anos e essa mesma ladainha pueril que vomitaram aqui, ouco-as todos os dias, sempre vindas de quem nao consegue articular um argumento que exija mais que dois neuronios. Portanto, esse discursozinho xenófobo de gente que acha que o mundo se divide entre o "certo" e o "errado" nao me intimida nem um pouco.

Como estudante de linguistica em Lisboa, tive o prazer de estar em contato com as muitas variantes da nossa lingua. E de conhecer muitas excepcoes à regra, pessoas que quando decidem argumentar contra, fazem-no com argumentos válidos e conhecimento de causa.

Mas, mais uma vez, porque eu acredito que ignorancia é uma coisa que tem sim cura, e que deve ser combatida, vou perder meu precioso tempo a elucidar aqui alguns fatos a quem interessar:

1) O Portugues que se fala no Brasil (PB), ao contrario do que "alguns" pensam, nao é uma tentativa de reproduzir o Portugues de Portugal (PE), é sim o resultado de varios fatores, que inclui as condições da colonização do Brasil pelos portugueses, em que entraram em contato falantes adultos de línguas diversas, sem nenhuma língua em comum (a saber, línguas indígenas, africanas e européias (português, francês, holandês e espanhol). As diferenças estruturais entre o português brasileiro e o português europeu, sao realçadas pela ampla variação na concordância verbal e nominal, especialmente a de número. (Mas como visto em "algumas" mensagens por aqui, a "pessoa" nao deve fazer a minima ideia do que é "concordancia verbal e nominal", por isso sugiro veemente que usem o Google nao so para saber o que vai acontecer nos "Morangos com acucar" mas também para fazer o dever de casa).

2) Tomar o exemplo de uma fulana de 42 anos que AINDA nao consegue entender as diferencas linguisticas da sua propria lingua me parece simples e facil demais. De qualquer modo, cabe direitinho para exemplificar como a tal da "lusofonia" (que Portugal tanto discute) nao passa de uma ILUSOFONIA.
O linguista Marco Bagno - do qual eu usurpei alguns textos para postar aqui e o termo "ilusofonia"- agumenta que a "lusofonia" tem como principal foco Portugal: um país em tudo periférico da União Europeia, desimportante na geopolítica mundial e nem de longe uma potência econômica. Não bastasse isso, os demais países "lusófonos", excetuando-se o Brasil, encabeçam a lista das nações mais pobres e subdesenvolvidas do mundo: Guiné-Bissau, Cabo Verde, S. Tomé e Príncipe, Moçambique, Angola, Timor. As três primeiras dependem exclusivamente da ajuda internacional para sobreviver. Por isso, como disse o Bagno, dá para dizer que se trata, de fato, de uma "ilusofonia", uma quimera que Portugal não tem a menor possibilidade de sustentar.

3) E apesar de tudo isso, Portugal ainda age com prepotência colonial: não reconhece os certificados de proficiência em português emitidos pelo Brasil e impede (por lei!) que professores brasileiros ocupem as cadeiras de ensino da língua em universidades estrangeiras. Portugal parece se alimentar do mito bíblico de Davi contra Golias, mas a realidade sociopolítica e econômica do mundo atual é coisa muito mais séria do que qualquer mito sebastianista de Quinto Império.

4) O caso recente do acordo ortográfico é outro caso exemplar. Gilvan Müller de Oliveira, especialista em política linguística disse recentemente que "Portugal saiu para pescar e quando voltou o Acordo Ortográfico já estava implantado e ele não podia fazer mais nada". A indignacao portuguesa contra a nova ortografia não pode alterar o fato consumado. O Acordo, que o Brasil já implementou com tremendo sucesso (apesar das críticas desinformadas de muita gente), representa um passo gigantesco na promoção de uma verdadeira política lusófona, na qual ou Portugal se conforma com a posição que lhe cabe ou vai ficar numa obscuridade periférica ainda mais profunda do que aquela em que já está mergulhado, com saudades do que não foi.

PS. Peco desculpas pelos supostos erros ortograficos, mas estou a teclar de teclado alemao, portanto, sem til, circunflexos e cedilhas.

PS II. Caro Henrik, espero que veja com os seus proprios olhos a diversidade dos "discursos" emitidos aqui e decida pro si proprio a melhor forma de se aprender (ou DESAPRENDER) a nossa maravilhosa e multi cultural (queiram alguns ou nao) lingua Portuguesa!

Um Abraco!


Posted May 6th, 2010 - 4:06 pm by from Rio de Janeiro, Brazil (Permalink)
É mesmo engraçado ver comentários de péssimos exemplares da cultura portuguesa com a mente tão fechada.
Fala-se do português do Brasil como se fosse uma sequência de erros que pioraram o português, enquanto no Brasil ninguém flexiona advérbio em gênero e diz "ela é muito feia", só se escuta pelas ruas "ela é muita feia", por exemplo. Como se os portugueses não cometessem absurdos gramaticais que doem na alma de qualquer falante da LP.

As pessoas que acham que a mudança da língua se dá em "ERRO" deveria esquecer o português e falar Latim, já que, então, a Língua Portuguesa seria uma versão cheia de usos que causavam "granda" dor na alma do Romanos.

Por sinal, antes de nascer a Cristina, falava-se de uma outra maneira que, a priori, seria melhor do que o português que ela usa por agora. Não fossem as sucessivas reformas ortográficas ou mesmo a interação com outros falares, faríamos todos cantigas como D. Sancho I.

Assim como o PB é produto da mistura da LP com os falares africanos, indígenas etc, o PE desde sempre foi produto de uma mistura sem fim entre o Latim, protolínguas ibéricas, Árabe, Germânico e daí por diante.

Língua Portuguesa é uma doce ilusão de nomenclatura (gostei muito do conceito de Ilusofonia). Esta língua que falamos já se desterritorializou há muito tempo.

Posted May 4th, 2010 - 3:33 pm by from Bochum, Germany (Permalink)
"Como sempre o nosso país rebaixa-se a estas coisas, até na nossa lingua."

Fico de fato chocado que ainda existam, em pleno ano de 2010, dentro de uma comunidade que é teoricamente mente aberta, pessoas que têm esse tipo de mentalidade da Cristina.
Não estou aqui para julgar qual português é correto ou qual deve ser usado no Tandem. Isso não é da minha conta. Mas acho que um pouco de respeito com a língua e com a cultura alheia é imprescindível...

Posted May 4th, 2010 - 5:41 pm by from Salvador, Brazil (Permalink)
Cristina,

Aprenda usar o CS e tome um "óptimo" suco de maracujá. Mande mensagens particulares!!

Seus comentários idiotas é que me doem na alma.

Posted May 4th, 2010 - 6:25 pm by from Berlin, Germany (Permalink)
Putz, eu estranhei em ver tantos posts neste tópico, mas fiquei triste com o rumo que ele tomou!
Também já estudei linguística ( na idade das trevas)e muita coisa já esqueci, mas realmente achar que existe uma variante de língua melhor que a outra é o CÚMULO! O que o Guilherme e o Wellington comentaram é correto, não tenho mais o que acrescentar.
Cristina, por favor, trate com mais respeito as pessoas deste fórum. Temos um objetivo em comum, divulgar a nossa língua aos alemães, que aliás devem estar muito confusos ao ler isso tudo ( nem todos aqui lêem bem o português).

E eu já conversei com o Henrik, ele é um rapaz muito simpático, quem quiser ajudá-lo com o português será benvindo ( escrito já do novo jeito.

Posted May 3rd, 2010 - 11:20 pm by from Rio de Janeiro, Brazil (Permalink)
Opa !! Eu tambem estou precisando treinar.

Voce usa msn?

Se usa me adiciona

acctecrj@hotmail.com

ate mais

Abração!!