Location: Places >> South America >> Brazil >> Rio de Janeiro State >> Rio de Janeiro City >> RIO - Parties >> Shows no Rio de Janeiro - gigs in Rio
Login for full access to Couchsurfing Groups. Not a member yet? Join our community!

Concertos no Jardim - quartas-feiras à noite
Posted January 25th, 2011 - 10:07 pm by from Rio de Janeiro, Brazil (Permalink)
Concertos no Jardim

No verão de 2011, as noites cariocas ganham mais uma opção cultural e de entretenimento de qualidade. Tradicional ilha de tranquilidade, verde e ar puro em meio
ao agito e calorão do Rio, o Jardim Botânico inaugura na próxima quarta-feira, 26/01, o programa Concertos no Jardim para saudar a estação mais badalada do calendário
carioca.

Com patrocínio da Light, os cinco concertos da série ocuparão o teatro do Espaço Tom Jobim, nas noites de quarta, com entrada franca. A nova opção de lazer musical dará ao público a chance de conhecer e apreciar uma rara diversidade sonora e também ter o privilégio de assistir a performance de artistas que pouco se apresentam no Rio de
Janeiro.

A estreia ficará a cargo do maestro João Carlos Martins na regência da Camerata Bachiana. No repertório eclético, serão apresentadas peças de compositores clássicos como Mozart e Bach, além de obras do argentino Astor Piazzolla e do brasileiro Guerra Peixe e tributos ao compositor francês Michel Legrand e ao italiano Enio Moricone, o às
das trilhas sonoras de cinema.

Nos concertos estarão no palco do Tom Jobim, respectivamente, o compositor Egberto Gismonti e Orquestra de Sopros da Proarte (02/02), o Duo de gaita e piano formado por José Staneck e Flavio Augusto (09/02) e o Duo Santoro (16/02).

O multiinstrumentista contemporâneo TatoTaborda fechará a programação no dia 23 de fevereiro apresentando a surpreendente Geralda, a máquina de fazer música que ele
próprio criou. Com Taborda, estarão os também os instrumentistas Alexandre Fenerich e Carlos Malta.

CONCERTOS NO JARDIM
ESTREIA: 26/01 às 20:30h
LOCAL: Espaço Tom Jobim, no Jardim Botânico do Rio de Janeiro (Rua Jardim Botânico,
1008) Tel: 2274-7012
ENTRADA FRANCA
As senhas serão distribuídas na bilheteria do Espaço Tom Jobim a partir das 19h30m

PERFIS DOS ARTISTAS DO CONCERTO DO DIA 16/01

Pianista de formação, João Carlos Martins começou a tocar aos nove anos e construiu uma sólida carreira internacional. Foi considerado o mais competente intérprete do compositor Johann Sebastian Bach em todo o mundo, qualidade que o credenciou a gravar a obra completa do célebre compositor alemão. Com a carreira interrompida pela paralisia da mão esquerda por sequelas de um assalto, canalizou a paixão pela música para a regência, com igual sucesso.

A Camerata Bachiana, fundada em 2004, faz parte da Filarmônica de mesmo nome. Os músicos da Camerata foram escolhidos entre os profissionais das melhores orquestras do país. A meta deles é o aprimoramento artístico através do trabalho e estudo constantes. Em 2007, após quatro
temporadas de sucesso no país, o conjunto partiu para os Estados Unidos, onde obteve sucesso de público e crítica em apresentações em templos da boa música como o
Carneggie Hall e o Lincoln Center. É formada por dois violinos, uma viola, um cello, um oboé, um clarinete, um fagote e uma percussão.

Posted January 31st, 2011 - 11:51 pm by from Rio de Janeiro, Brazil (Permalink)
4ª passada foi muito bom, mas queria mais quando acabou!
Nesta 4ª vou de novo, mais alguém?

Posted February 1st, 2011 - 1:17 am by from Rio de Janeiro, Brazil (Permalink)
Essa semana é o Egberto Gismonti, imperdível.

CONCERTOS NO JARDIM

BEM BRASIL

Com um repertório genuinamente brasileiro, o segundo recital da série Concertos no Jardim leva na próxima quarta-feira, dia 02/02, o maestro e compositor Egberto Gismonti e a Orquestra de Sopros da ProArte ao Espaço Tom Jobim.

O frevo, o maracatu e o lundu serão alguns dos gêneros apresentados em arranjos inovadores dos renomados Carlos Malta, Zeca Assunção e Matias Corrêa.

A série, com patrocínio da Light, ocupará o teatro do Espaço Tom Jobim até o fim do mês de fevereiro. Os concertos semanais serão sempre às 20h30min, com entrada franca. A nova opção de lazer musical dará ao público a chance de conhecer e apreciar uma rara diversidade sonora, bem como ter o privilégio de assistir a performance de artistas que pouco se apresentam no Rio de Janeiro.

Há menos de um ano, a orquestra carioca, formada por jovens de 17 a 25 anos, passou a se apresentar com Gismonti em concertos e festivais por várias regiões do país. A troca de experiências musicais tem sido muito fértil. “Eles estão felizes e eu também. É uma diversão e daqui a um tempo alguma coisa que ainda não sei o que é sairá deste encontro”, garante o maestro.


SERVIÇO:

CONCERTOS NO JARDIM
DATA: 02/02 às 20:30h
LOCAL: Espaço Tom Jobim, no Jardim Botânico do Rio de Janeiro (Rua Jardim Botânico, 1008) Tel.: 2274-7012.
Classificação: livre
ENTRADA FRANCA
As senhas serão distribuídas na bilheteria do Espaço Tom Jobim a partir das 19h30m


PERFIL DOS ARTISTAS DO CONCERTO DE 02/02

Egberto Gismonti

Compositor, instrumentista e arranjador, nascido em Carmo, no norte fluminense, Egberto Gismonti é um dos mais renomados compositores brasileiros de música instrumental. Neto e sobrinho de mestres de banda, estudou piano na capital com Jacques Klein e Aurélio Silveira e aperfeiçou-se na França.

Ao longo da carreira, gravou 60 discos no Brasil e no exterior. Os mais celebrados são Corações Futuristas (1976), Dança das Cabeças (1977), Nó Caipira (1978), Mágico (1980) e Feixe de Luz (1988). Compõe para cinema, balé, televisão e teatro. Além de piano, combina sons de órgão, sintetizador, violão e flautas indígenas nos arranjos.


Orquestra de Sopros da Pro Arte

Em 1987, o grupo conhecido como Os Flautistas da Pro Arte reunia crianças para aprender de forma lúdica a tocar, cantar, dançar e fazer acrobacias. Como as crianças cresceram, foi criada a Orquestra de Sopros da Pro Arte, que estreou em 2004, na Sala Cecília Meirelles, sob a batuta de Tina Pereira. Hoje, os jovens músicos dedicam-se à pesquisa, aprendizado, prática e difusão da Música Popular Brasileira. São 39 adolescentes e jovens, oriundos de bairros de classe média da cidade do Rio de Janeiro e de comunidades menos favorecidas. Tocam flauta doce, transversa, clarinete, saxofone e trombone. Em 2008, a orquestra lançou um CD, com músicas de Moacir Santos, Radamés Gnattali, Tom Jobim, Baden Powell e Hermeto Pascoal.